Tudo o que você precisa saber sobre a política de backup

Home Segurança
Tudo o que você precisa saber sobre a política de backup
política de backup

Tudo o que você precisa saber sobre a política de backup

As informações valiosas de uma organização precisam ser protegidas de diversas ameaças. A política de backup é muito importante para se prevenir contra exclusões acidentais, ataques de hackers, panes nos servidores etc. Ela protege os negócios de uma série de situações e é efetiva para evitar cenários de risco que podem colocar os dados do negócio em perigo.

Os gerentes de Tecnologia da Informação (TI) são os responsáveis por fazer planejamentos eficientes de prevenção para os sistemas informatizados. Esses profissionais são os responsáveis pela criação de uma política de backup eficaz e pela segurança dos documentos da empresa na prática. Você já sabe como fazer isso? Neste artigo, vamos fornecer detalhes sobre o assunto.

Quer saber o que é e como funciona a política de backup? Continue a leitura!

Saiba o que é e como funciona a política de backup

Política de backup é um documento administrativo que registra todas as regras e normas, servindo como um guia do ciclo de gestão de dados empresariais. Essa documentação orienta os colaboradores e gestores quanto à tomada de decisões mais acertadas em relação ao armazenamento das informações e à criação de cópias de segurança extremamente importantes.

Uma estratégia de backup é efetiva quando elaborada com base na concepção, tempo de uso e descarte de dados. Esse documento apresenta diretrizes para a execução de todos os processos da empresa que estiverem relacionados à área de TI. O gerente define as informações que serão salvas nas cópias, as tecnologias e os equipamentos essenciais e a frequência do processo.

Além disso, o profissional de TI avalia a capacidade do suporte selecionado para a cópia de arquivos, o volume de dados gerados nas operações e os colaboradores responsáveis por analisar se a política foi colocada em prática pelos demais colegas de trabalho. É ele que define as melhores estratégias a serem aplicadas na empresa.

Entenda a importância da política de backup na empresa

A política de backup é muito importante para assegurar que o seu time de TI esteja pronto para a reação se surgirem situações em que os dados do negócio sejam afetados. Desse modo, o documento é primordial para a segurança da organização, tendo em vista que as informações são ativos muito valiosos para as empresas.

As normas e regras constantes nesse documento são indispensáveis para o gerenciamento e a proteção dos dados sensíveis. A violação ou a perda de informações confidenciais traz enormes prejuízos às finanças das empresas, gera a perda da credibilidade diante dos clientes, parceiros e fornecedores. Isso pode ser evitado com uma política de backup eficiente.

Um conjunto de diretrizes para proteger os dados de um negócio é fundamental para estabelecer rotinas de cópia e distribuição das informações. Isso garante a integridade, de modo que se houver um ciberataque, erro humano ou falha técnica, a equipe de TI conseguirá restaurar com agilidade e precisão todos os dados envolvidos no incidente.

Confira o que diz a LGPD a respeito da política de backup

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) auxilia as empresas na proteção, segurança e tratamento das informações sigilosas. Essa legislação faz com que a importância dos cuidados no armazenamento de dados de terceiros seja ainda maior. Veja a seguir detalhes sobre o que dispõe o ordenamento jurídico vigente do nosso país!

Uso de servidor seguro

Para assegurar que apenas os colaboradores autorizados acessarão esses arquivos, a sua política de backup deve incluir senhas e criptografia. De acordo com essa norma, os titulares dos dados têm direito de saber para que estão cedendo as suas informações pessoais e se outras plataformas ou empresa poderão acessá-los.

Por esse motivo, você precisa checar se a nuvem usada pela empresa provém de um servidor seguro para que não ocorram violações. A política de backup deve exigir que a solução contratada mantenha registrado em tempo real tudo o que acontece com os arquivos, além de gravar e salvar o nome de usuários, bem como os horários de alterações nos dados.

Possibilidade de excluir dados

Se for um sistema de nuvem pública, fique atento à existência de vulnerabilidades. Fique alerta se perceber desajustes ou dificuldades nos registros de acesso. O sistema de backup, conforme estabelece a LGPD, precisa oferecer aos gestores a possibilidade de incluir, excluir e alterar os dados dos clientes sempre que eles solicitarem.

Reforço das políticas de segurança

Após a coleta das informações que são salvas na nuvem, a empresa deverá comunicar por quanto tempo pretende mantê-las gravadas em seu sistema interno. A legislação requer ainda o reforço nas políticas de backup e segurança para que haja a detecção de aplicações não autorizadas. O descumprimento de suas regras dá ensejo à aplicação de multas elevadas. 

Veja como montar uma política de backup eficiente 

Uma política de backup serve para que as informações sejam protegidas de forma eficiente. É por meio dela que as vulnerabilidades de um sistema podem ser eliminadas e muitos riscos deixam de existir. Uma empresa que deixa de elaborar e aplicar esse documento perde competitividade e tem seus processos interrompidos constantemente. Observe abaixo como criar regras para o seu negócio!

Estabeleça as prioridades

Inicie definindo os dados que precisam ser copiados e armazenados por prioridade. Estabeleça as informações e os sistemas que serão priorizados para a criação dos backups e a definição de intervalos entre as cópias. Identifique isso em conjunto com a equipe de TI que sabe os pontos críticos e verifique quais soluções se relacionam com os processos mais relevantes do negócio.

Defina o suporte

Considere as demandas da organização para fazer uma definição adequada da necessidade de suporte. Observe opções de backup e armazenamento, as rotinas de trabalho do negócio, o volume de dados gerados diariamente, a velocidade para a recuperação de documentos etc. Uma solução na nuvem é a melhor opção para manter as informações em segurança e obter mobilidade.

Avalie a complexidade dos dados

As políticas de backup nem sempre descrevem todas as estratégias aplicadas pela empresa. Algumas delas podem ficar sob a responsabilidade do profissional que cuidará do processo, contudo, devem ser detalhadas em outros documentos. A complexidade dos dados e a análise inteligente ajudará a determinar a frequência das cópias, sendo que é possível fazer a migração para ambientes seguros, escaláveis e econômicos. 

Enfim, agora você já sabe tudo o que precisava sobre a política de backup! A elaboração desse documento é de extrema importância para a alavancagem dos negócios. Porém, é necessário fazer checagens periódicas, assim como realizar procedimentos de auditoria para conferir se as regras criadas foram suficientes e promover recuperações de teste.

Achou interessante saber mais sobre a política de backup? Se tiver mais alguma dúvida, fale conosco agora mesmo!

Receba todas novidades


    Veja mais conteúdos: