Machine Learning e Deep Learning: aprenda a diferença

Home Big Data
Machine Learning e Deep Learning: aprenda a diferença

Machine Learning e Deep Learning: aprenda a diferença

Machine Learning e Deep Learning são conceitos com os quais você deve se familiarizar nessa era dominada pela inteligência artificial. Ambos são muito importantes para entendê-la e dominá-la, colocando sua empresa à frente da competição e tirando o melhor das oportunidades que se apresentam no mundo da tecnologia.

Machine Learning e Deep Learning são formas de inteligência artificial que permitem que as máquinas interajam com mais eficiência com os seres humanos. Neste post você vai entender de uma vez por todas o que cada um desses termos significa e descobrir como esses recursos estão sendo aplicados por gigantes da tecnologia como o Google.

O que é Machine Learning?

Machine Learning (ou aprendizado de máquina) é uma forma de inteligência artificial que permite que aplicações de software sejam mais precisas. A ideia é que elas possam oferecer alternativas e soluções mesmo sem ser programadas para isso, pois são capazes de aprender com as informações que lhe são alimentadas ao longo do tempo.

Portanto, a premissa básica do Machine Learning é a criação de algoritmos que aprendam a ler e compreender novos dados, usando análise estatística para determinar respostas dentro de um número finito de possibilidades. Existem por aí algoritmos de Machine Learning de dois tipos: os supervisionados e os não supervisionados.

No primeiro tipo de Machine Learning é requerida a presença de humanos para submeter informação às máquinas e oferecer feedback a respeito de seus resultados. Já no segundo, tudo é feito de maneira autônoma pelos sistemas e os resultados são avaliados por ele mesmo.

Quando os mecanismos de Machine Learning são autônomos, ou não supervisionados, eles costumam se utilizar de um recurso conhecido como Deep Learning para revisar as informações recebidas e chegar a conclusões. Você entenderá como esse recurso funciona a seguir.

O que é Deep Learning?

O Deep Learning é outro dos aspectos da inteligência artificial. Esse recurso simula exatamente a forma de aprendizado utilizada pelos seres humanos na hora de compreender uma nova informação e dá às máquinas a capacidade de fazer o mesmo.

Por isso, de maneira simplista, o Deep Learning (ou aprendizado profundo) pode ser visto como uma forma de automatizar a análise preditiva. Isso acontece porque enquanto mecanismos de aprendizado de máquina geralmente são lineares, os de Deep Learning não são. Eles são encadeados hierarquicamente, permitindo análises mais complexas e abstratas.

O resultado desse encadeamento hierárquico é um monte de transformações não-lineares que se configuram em modelos estatísticos. Conforme o sistema coleciona uma porção deles, é capaz de entender melhor o que está acontecendo ao seu redor.

Qual é a diferença entre Machine Learning e Deep Learning?

A diferença entre Machine Learning e Deep Learning, portanto, não é difícil de se compreender. O Deep Learning é, efetivamente, um tipo de Machine Learning, mas não é o único que existe nem o mais tradicional.

Quando voltamos às premissas básicas, Machine Learning é toda a prática de usar algoritmos para entender dados. O Deep Learning, por outro lado, é a prática de usar apenas algoritmos para fazer isso, sem a supervisão de nenhum tipo de agente humano.

Como o Google usa essas tecnologias?

Hoje, o Google utiliza tecnologias de Machine Learning e Deep Learning diariamente em ferramentas como o Google DeepMind. Você já deve ter ouvido falar desse acontecimento, pois ele foi bastante noticiado: um computador foi capaz de vencer o melhor jogador do jogo de tabuleiro Go.

Para isso, foram usadas tecnologias como o Machine Learning e o Deep Learning, a fim de entender completamente a dinâmica do jogo e o que poderia ser feito pela máquina para competir com a inteligência humana.

Gostou de conhecer esses recursos? Agora que você já sabe o que é Machine Learning e Deep Learning, não perca a oportunidade de continuar aprendendo: entenda melhor a inteligência artificial e seus benefícios neste post!

Receba todas novidades


    Veja mais conteúdos: