Segurança de dados: entenda como o treinamento dos colaboradores é um aliado

Home G Suite
Segurança de dados: entenda como o treinamento dos colaboradores é um aliado

Segurança de dados: entenda como o treinamento dos colaboradores é um aliado

Anualmente, as empresas dedicam importantes cifras de seu orçamento para investimento em segurança de dados. No entanto, apesar das sofisticadas ferramentas adotadas, elas continuam suscetíveis a muitas ameaças.

Muitos ataques são interrompidos por firewalls, que são soluções avançadas de proteção de dados. Entretanto, algumas vezes, os hackers superam essas e outras defesas. Eles se aproveitam, exatamente, da maior vulnerabilidade presente em todas as organizações: os colabores que não entendem os riscos aos quais eles estão expostos na internet.

A conscientização é a única solução eficaz para resolver esse problema. E isso só é possível por meio treinamentos. Quer saber mais? Continue a leitura!

Um elo fraco na segurança de dados

Os colaboradores representaram um dos pontos mais fracos para a segurança de dados. E isso inclui, inclusive, os funcionários de níveis de supervisão e gerenciamento. Cada vez mais, os hackers estão utilizando técnicas avançadas para enganar usuários e usá-los como porta de entrada para ataques.

Além disso, muitos colaboradores estão sendo enganados por um falso sentido de segurança, visto que as empresas contam com ferramentas avançadas de proteção de dados.

Embora as soluções sejam muito importantes na luta contra violações e roubo de informações, elas não são suficientes para enfrentar todas as ameaças, principalmente, se os usuários agirem de forma imprudente. É como instalar os mais modernos equipamentos de segurança em sua casa, mas se esquecer de trancar a porta.

Por isso, as empresas precisam se concentrar nas questões-chave para impedir que os ataques aconteçam. E um treinamento de segurança de dados para colaboradores é essencial nesse processo.

Os principais ataques podem ser evitados

Atualmente, phishing e ransomware são algumas das ameaças mais comuns à segurança de dados da empresa. O que eles guardam em comum é que ambos contam com a imprudência dos usuários para serem efetivos.

Com um bom treinamento, os colaboradores são capazes de identificar essas ameaças. Ações simples, como não clicar em links ou em anexos de e-mails antes de verificar atentamente a origem do emissor e o domínio de onde partiu a mensagem, já diminuem consideravelmente os riscos.

É mais barato prevenir do que remediar

A informação é um dos bens mais valiosos de qualquer organização. Logo, a segurança de dados deve ser prioridade. Economizar nesse quesito pode custar muito caro aos negócios.

O roubo de informações sigilosas, como senhas de bancos, pode levar a empresa a perder muito dinheiro. Da mesma forma, os ataques ransomware induzem as organizações gastarem valores significativos, sem a garantia de que conseguirão reaver seus dados.

Além disso, segundo levantamento realizado pela Kaspersky Lab e B2B International, cerca de 46% dos incidentes de segurança são causados pelos próprios funcionários.

Com uma porcentagem tão alta de problemas devido às ações dos colaboradores, as empresas não podem mais ignorar o papel fundamental dos usuários na segurança de dados. O treinamento apropriado, incluindo elementos suspeitos a serem observados, bem como a conscientização das técnicas atuais de hackers, deve ser uma prioridade para as organizações de qualquer setor.

Por onde começar

O treinamento de segurança de dados pode ser muito cansativo, especialmente, se a organização nunca se engajou nesse tipo de iniciativa. Como o cenário de ameaças está mudando constantemente, pode ser difícil definir por onde começar.

Um bom ponto de partida, no entanto, inclui aumentar a conscientização sobre as principais ameaças atuais e garantir que os funcionários entendam como essas vulnerabilidades podem afetar a organização e quais ações podem ser tomadas para reduzir as chances de isso acontecer.

Certifique-se de que os colaboradores estejam cientes e compreendam as principais ameaças, como o ransomware e  de Comprometimento de e-mail Empresarial (em inglês, Business Email Compromise – BEC). Dessa forma, será possível reduzir, consideravelmente, as chances de que esses problemas afetem a segurança da empresa.

Agora que você já sabe como o treinamento dos colaborares pode ser um aliado, que tal conhecer os 7 pilares da segurança da informação? Clique aqui e descubra!

Receba todas novidades


    Veja mais conteúdos: