Por que a Apple está de olho no Google Cloud Platform?

Home Google Cloud Platform
Por que a Apple está de olho no Google Cloud Platform?

Por que a Apple está de olho no Google Cloud Platform?

O armazenamento de dados em nuvem cresce rapidamente, fazendo com que esse mercado avance junto. Diante deste cenário favorável, o Google conquistou mais um cliente. Tem-se falado que a Apple estaria pensando em migrar parte do armazenamento do iCloud para o serviço de armazenamento na nuvem do Google, o Google Cloud Platform.

O que existe de concreto e o que é especulação sobre o assunto? E o que essa mudança representaria para o mercado e para os usuários? Confira!

Rivais sim, parceiras também

Segundo o site CRN, a Apple buscava fechar um acordo com o Google Cloud Platform. O serviço do Google faz parte de uma série de ferramentas para facilitar o trabalho de usuários e empresas e está levando até empresas consideradas rivais a procurar seus serviços.

Apesar de nem o Google e nem a Apple se pronunciarem sobre o assunto, o Financial Times e a CNBC noticiaram que o acordo foi sim assinado. O valor do acordo entre as duas empresas está estimado pelo CRN entre US$ 400 milhões e US$ 600 milhões.

O que a Apple ganha com Google Cloud Platform?

O principal motivo apontado para o acordo é a redução de custos. O Google é um grupo conhecido por oferecer soluções inovadoras e eficientes por um preço mais acessível. Google Cloud Platform conta com extensas redes de fibra óptica que ligam todos seus datacenters, tornando os valores mais baixos e oferecendo segurança ao armazenamento de dados.

Outros pontos positivos do Google Cloud Platform

Além da economia, a segurança oferecida no armazenamento de dados pela Google Drive é uma aposta certeira. O serviço protege os dados do usuário e possui níveis de confiabilidade que dificilmente são alcançados por uma única empresa. O armazenamento central na nuvem do Google permite que o usuário não precise carregar seus arquivos em drivers e outros dispositivos, fato que reduz consideravelmente o risco de vazamento, preocupação cara às empresas.

Integração

O Google Apps for Work, utilizado por mais de 5 milhões de empresas, é considerado uma das melhores escolhas, cruzando os critérios produtividade e custos. E também integrando aplicativos facilitando a criação e edição de documentos de forma colaborativa.

A plataforma também permite integrar outros serviços, como os servidores do YouTube, que facilitam a busca e o armazenamento de vídeos pelos usuários.

Outro benefício do Google Cloud Platform é a busca otimizada. A plataforma faz reconhecimento eficaz de textos e objetos em fotos, possibilitando que o usuário não perca nenhum arquivo que ele já publicou.

O Google oferece ferramentas que previnem desastres e aperfeiçoam a recuperação, caso eles ocorram. Os dados são salvos e duplicados em diversos datacenters a cada intervalo pequeno de segundos. Se algum deles se apresentar indisponível, o usuário é direcionado para outro e encontra as informações que foram duplicadas, sem que aconteça perda de dados.

O que essa parceria representa para o mercado?

A mudança vai impactar principalmente o valor que os usuários pagam para utilizar o serviço de armazenamento. Se a utilização dos serviços Google proporciona economia para a Apple, conhecida por desenvolver suas próprias ferramentas, é possível imaginar com grande expectativa o impacto da utilização por outras empresas.

Após essa migração, o Google se tornará a principal empresa de serviços de nuvem. O acordo é uma estratégia agressiva da empresa para se posicionar como líder de Cloud no mercado.

O que você acha da parceria entre a Apple e o Google Cloud Platform? 

Receba todas novidades


    Veja mais conteúdos: