4 cases para você entender o impacto do Big Data na prática

Home Big Data
4 cases para você entender o impacto do Big Data na prática

4 cases para você entender o impacto do Big Data na prática

Foi-se o tempo em que tudo era apenas uma teoria: a cada dia, vemos mais exemplos da aplicação do big data na prática. Os projetos envolvendo grandes volumes de dados estão gerando valor imenso para empresas de todos setores e é apenas natural que essa tecnologia esteja em alta.

Afinal, com processos dinâmicos de coleta e análise de dados, as organizações conseguem melhorar seu faturamento e desempenho significativamente. Nunca antes tantas informações sobre público e mercado estiveram disponíveis para as empresas, e aquelas que conseguem soluções eficazes de big data conquistam uma imensa vantagem competitiva.

Neste artigo, elencamos 4 exemplos do big data na prática que são inspiradores. Conheça!

1. Otimização de rotas com o big data

A United Parcel Service, ou UPS, é uma das maiores empresas de logística do mundo. Para distribuir suas mais de 14 milhões de encomendas diárias em cerca de 200 países, a empresa utiliza o big data analytics de diversas formas.

A mais interessante é a aplicação do big data para otimizar a frota de quase 100 mil veículos da empresa, que são todos equipados com telemetria e rastreamento por satélite.

A partir da coleta desses dados, a UPS processa e interpreta as informações para minimizar a ociosidade e agendar manutenções preventivas nos veículos. Segundo dados da própria UPS, milhões de litros de combustível já foram economizados desde que o big data começou a ser utilizado. Agora, a empresa planeja estender o sistema para os seus aviões.

2. Cadeia de distribuição inteligente baseada em dados

Umas das mais importantes varejistas de moda dos Estados Unidos, a Macy’s tem como desafio fazer com seus produtos tenham rotatividade em suas diversas unidades, potencializando as vendas e evitando que algo que fique esquecido no estoque.

Para conseguir isso, eles utilizaram ferramentas de big data para processar e analisar dados não estruturados que já eram armazenados pela empresa. O resultado foi uma cadeia de distribuição baseada em modelos analíticos que reduziu dramaticamente o tempo gasto com esse tipo de operação.

3. Previsão de demandas de saúde de pacientes por meio de dados

A Walgreens é uma rede imensa de drogarias nos Estados Unidos que utiliza ferramentas avançadas de análise de dados para indicar produtos aos seus clientes.

Mas além de fazer o básico, que é recomendar itens que combinem com o perfil de cada consumidor, a empresa conta com um sistema mais avançado que utiliza esses dados para descobrir produtos que possam fortalecer a saúde de cada pessoa e, assim, evitar que ela tenha despesas médicas maiores no futuro.

Isso é feito com a interpretação de dados alimentados por mais de 100 milhões de pessoas que são clientes da rede.

4. Big data aplicado em BI de forma criativa

A Dollar General é uma varejista dos Estados Unidos que encontrava dificuldades em obter informações sobre o seu público final, pois a venda dos seus produtos é realizada por meio de parcerias.

Para ter seu sistema de Business Intelligence operando de forma eficaz, teoricamente seria preciso uma maneira de coletar esses dados. Mas, em vez disso, a Dollar General passou a coletar e analisar informações sobre a performance dos seus parceiros e forneceu acesso a essas avaliações e dados para eles mediante um pagamento.

O resultado disso foi que a empresa conseguiu incluir a sua rede de parceiros como responsáveis na estratégia de vendas para o público final com uma utilização criativa do big data.

Agora que você já conhece 5 aplicações do Big Data na prática, que tal acompanhar nosso LinkedIn e curtir nosso Facebook para ficar por dentro dos melhores conteúdos dessa área? Esperamos você!

Receba todas novidades


    Veja mais conteúdos: